avozmissionaria@hotmail.com

Pesquisar este blog

Postagem em destaque

Lista de Dirigentes de Congregações - 2017 da IEADERN

Veja a Lista de Coordenadores de cada Setor e Dirigentes de Congregações em Natal-RN pela Igreja Evangélica Assembléia de Deus no estado do...

Tadjiquistão (País Perseguido 34/2012)


Ver bandera de de

Apesar da liberdade religiosa existente no país, o cristianismo enfrenta oposição por parte dos muçulmanos. A difusão do islamismo tem o apoio da propaganda iraniana e, ocasionalmente, dos soldados afegãos. 


A Igreja

O cristianismo chegou ao Tadjiquistão nos primeiros séculos da era cristã, trazido por missionários da Igreja Apostólica do Oriente. No entanto, sua presença na região foi dizimada pelos exércitos muçulmanos de Tamerlão, gerando um vazio espiritual que veio a ser preenchido pelo islamismo.
Atualmente, pouco mais de 2% da população tadjique é cristã. Apesar das igrejas que vêm sendo construídas e dos bons resultados da evangelização no país, ainda resta muita coisa a ser feita. O maior grupo de cristãos pertence à Igreja Ortodoxa Russa.
A Perseguição Religiosa
A constituição do país prevê a liberdade religiosa, mas outras leis e algumas medidas políticas colocadas em prática pelo governo impõem restrições: todas as comunidades religiosas devem ser registradas para que suas atividades sejam reconhecidas pelo governo. O governo teme e proíbe grupos religiosos considerados extremistas. Mesmo os muçulmanos, que representam a maior fatia religiosa da população, têm de seguir as normas impostas pelo governo.
Apesar da liberdade religiosa existente no país, o cristianismo enfrenta oposição por parte dos muçulmanos. A difusão do islamismo tem o apoio da propaganda iraniana e, ocasionalmente, dos soldados afegãos.
Há inúmeros casos de tadjiques que abraçaram o cristianismo e enfrentaram forte oposição de suas próprias famílias. O parlamento do Tadjiquistão aprovou, recentemente, duas novas leis que podem proibir crianças de participar de atividades religiosas. A Lei de Responsabilidade Parental, junto com novas alterações no código penal, pode afetar muitas organizações religiosas, incluindo as igrejas do país. evangelho. A Lei de Responsabilidade Parental vai proibir que crianças menores de 18 anos participem de atividades religiosas e o Escritório de Direitos Humanos do Tadjiquistão disse que a nova lei é necessária para que os pais não percam o controle dos seus filhos para grupos religiosos.
História e Política
O território do Tadjiquistão, localizado na Ásia Central, é dominado pelas cordilheiras do Pamir-Alay. Áreas férteis podem ser encontradas nos vales localizados entre as cordilheiras, cortados por inúmeros rios. Algumas montanhas têm seus picos permanentemente congelados e cobertos de neve.
O território do atual Tadjiquistão é povoado desde o segundo milênio antes de Cristo. No século VI a.C., suas terras, que eram conhecidas como Bactria e Sogdiana, foram anexadas ao Império Persa Arquemênida. Já no século IV a.C., os macedônios liderados por Alexandre, o Grande, dominaram a região. O Tadjiquistão foi, na antiguidade, uma importante passagem da conhecida Rota da Seda entre a China, Oeste e o Sul, tendo recebido influência de várias religiões, como budismo, cristianismo, zoroastrismo e maniqueísmo.
No início do século VIII, as caravanas árabes começaram a divulgar o Islamismo nas terras tadjiques; no século seguinte a religião islâmica já era predominante na região. O Tadjiquistão fora também invadido pelos mongóis, liderados por Genghis Khan, no século XIII.
Desde o domínio persa no século XII até a ocupação russa no século XIX, o Tadjiquistão esteve sob o controle de forças estrangeiras durante grande parte de sua história. Em 1860, o país foi ocupado pelo Império Russo. Com a revolução bolchevique ocorrida na Rússia, o Tadjiquistão passou a fazer parte da União Soviética (URSS) em 1922. Quando o Império Soviético entrou em colapso, o país mergulhou em uma grande guerra civil, que terminou apenas em 1993.
O atual sistema de governo no Tadjiquistão é uma república presidencialista e quase todos os poderes administrativos estão concentrados na esfera executiva. O atual presidente, Imamali Rahmonov, pertence ao ainda influente Partido Comunista e está no poder desde 1994.
População
A população tadjique é estimada em mais de 7 milhões de pessoas, das quais 35% possuem idade inferior a 15 anos. Os muitos grupos étnicos presentes no país incluem iranianos, russos, ucranianos, alemães e armênios. A língua oficial do país é o tadjique, mas o russo também é amplamente utilizado nos negócios e na administração pública.
O estudo é obrigatório e o analfabetismo praticamente não existe no Tadjiquistão. Desde a independência do país, a qualidade da assistência médica tem piorado e a crescente poluição tem causado uma incidência maior de doenças. A grande maioria dos tadjiques é muçulmana, mas há minorias que seguem o cristianismo ou outras religiões.
Economia
O Tadjiquistão é uma nação pobre, com uma baixa renda per capita anual. A economia divide-se equilibradamente entre a agricultura, a indústria e o setor de serviços. Ainda que a taxa de desemprego seja baixa, a economia tadjique está enfrentando um período de retração, pois o preço do algodão, seu principal produto agrícola, está em declínio no mercado mundial. 

0 comentários:

Postar um comentário