avozmissionaria@hotmail.com

Pesquisar este blog

Postagem em destaque

Nove entre dez brasileiros atribuem a Deus sucesso financeiro

Nove entre dez brasileiros dizem que seu sucesso financeiro se deve a Deus, mostra pesquisa Datafolha. A porcentagem supera 90% ent...

Terremotos, guerras, PLC 122, “kit gay”... Por que Jesus não volta logo?





A última oração mencionada na Bíblia é “Ora, vem, Senhor Jesus” (Ap 22.20), indicando que os servos de Deus devem estar preparados, como se o Arrebatamento da Igreja fosse ocorrer a qualquer momento. Mas, diante do cumprimento de tantos sinais indicadores da Segunda Vinda, por que o nosso Senhor ainda não veio buscar o seu povo especial, zeloso de boas obras (Tt 2.13,14)?

Vemos que, além de terremotos, guerras, fomes, pestilências, violência, a degradação moral e as perseguições contra os que pregam o Evangelho, opondo-se ao pecado, têm aumentado consideravelmente neste novo milênio. Observe o que já ocorreu, em pouco tempo, no Brasil, e o que ainda pode acontecer.

O STF legitimou a união entre pessoas do mesmo sexo, dando a ela status de casal, ignorando a Constituição Federal. O nefasto PLC 122 esteve na iminência de ser aprovado. E o Ministério da Educação (MEC) pretende distribuir em breve, nas escolas públicas e particulares, o aberrante “kit gay”. Este, a despeito de ser apresentado pelo MEC como uma arma contra o preconceito, é, na verdade, serve muito mais para iniciar os infantes e adolescentes na prática homossexual do que para conscientizá-los a respeito da homofobia.

Por que a trombeta de Deus ainda não soou? O que falta para o Senhor descer do céu com alarido e voz do arcanjo? A Palavra do Senhor afirma que Deus não retarda a sua promessa, ainda que muitos a têm por tardia (2 Pe 3.9). Essa aparente demora para que sua promessa se cumpra tem feito com que muitos neguem a realidade do Arrebatamento da Igreja e até escarneçam dele, o que também não deixa de ser um sinal indicador da Segunda Vinda (2 Pe 3.3,4). Por outro lado, teólogos (teólogos?), tomando como base cálculos mirabolantes, estão fazendo previsões da vinda do Senhor e do fim do mundo.

É impossível determinar o dia e a hora do Arrebatamento da Igreja (Mt 24.42; At 1.7). O fato de a Palavra do Senhor afirmar que um dia para Deus é como mil anos, e mil anos, como um dia (2 Pe 3.8), não significa que um dia divino equivala a mil anos nossos. Mas denota que, para o Senhor, seriam exatamente a mesma coisa: ter vindo buscar o seu povo há mil anos; retornar agora; ou voltar daqui a mil anos. Ele não está preso ao nosso cronômetro. Passado, presente e futuro são coisas do ser humano. Para Ele, tudo isso é um eterno presente.

Então, por que o Senhor Jesus ainda não veio buscar a sua Igreja? A Palavra de Deus assevera que Ele ainda não voltou porque é longânimo e misericordioso, não querendo que alguns se percam, mas que todos venham a se arrepender (2 Pe 3.9). Considerando que, para Jesus, seria exatamente a mesma coisa ter voltado ontem, voltar hoje ou amanhã, Ele tem adiado, por assim dizer, o cumprimento da sua promessa para que mais vidas sejam salvas, mediante a pregação do Evangelho, e muitos servos de Deus, desviados, desapercebidos, estejam preparados para aquele grande Dia (Fp 3.20,21; Tt 2.11-14).

O Senhor virá buscar uma Igreja que já está pronta. As virgens loucas que estavam se preparando não entraram com o Noivo paras as Bodas, na parábola das dez virgens, mas as prudentes, que estavam preparadas, entraram com Ele, e a porta se fechou (Mt 25.1-13). Não falta mais nada para que o Arrebatamento da Igreja aconteça. E isso não ocorreu ainda tão-somente por causa da longanimidade e da misericórdia do Senhor. Mas Ele pode voltar a qualquer momento. O leitor está preparado para encontrar o Senhor nos ares agora mesmo (1 Ts 4.16-18)?

0 comentários:

Postar um comentário