avozmissionaria@hotmail.com

Pesquisar este blog

Postagem em destaque

Lista de Dirigentes de Congregações - 2017 da IEADERN

Veja a Lista de Coordenadores de cada Setor e Dirigentes de Congregações em Natal-RN pela Igreja Evangélica Assembléia de Deus no estado do...

Donald Trump nomeia mais dois evangélicos para cargos do primeiro escalão em seu governo


O time do primeiro escalão do governo Donald Trump ganhou mais dois líderes evangélicos na última quarta-feira, 23 de novembro. Ben Carson, médico, membro da Igreja Adventista e ex pré-candidato do Partido Republicano à presidência, e a especialista em educação Betsy DeVos.
Carson recusou um primeiro convite de Trump para atuar como chefe de gabinete, mas quando o presidente eleito propôs que ele fosse o secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, o neurocirurgião Ben Carson aceitou o convite.

o presidente Trump explicou sua insistência para ter Carson em sua equipe: “Eu comecei a conhecê-lo bem, e ele é uma pessoa muito talentosa, que ama as pessoas!”, comentou.
No caso de Betsy DeVos, que é uma especialista em educação e membro do conselho diretor da megaigreja Mars Hill Bible Church, o cargo será ligado à sua área de atuação. Ela chefiará o Departamento de Educação no governo Trump. A escolha foi comemorada pelos veículos de comunicação cristãos do país.
“Evangélicos farão uma grande marca no Estados Unidos da América a partir de 20 de janeiro de 2017. Três dos quatro primeiros cargos de alto nível que o gabinete do presidente eleito Donald Trump anunciou foram entregues a evangélicos. E agora, a sua quinta nomeação vai para outro cristão evangélico”, comentou o jornalista Bob Eschliman, do portal Charisma News.

Desencontro

Um caso de precipitação da imprensa gerou uma grande confusão internacional. Um jornal inglês garantiu, a partir de uma fonte, que Trump nomearia o pastor Mike Huckabee – que é ex-governador do Arkansas e ex pré-candidato à presidência – como embaixador dos Estados Unidos em Israel.
Os rumores geraram insatisfação nos países vizinhos a Israel, porque Huckabee já fez declarações fortes no passado a favor da nação judaica e mantém uma relação de amizade com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu.
Huckabee negou que tenha sido convidado para o posto em Israel ou qualquer outro cargo no governo Trump, mas o influente jornal The New York Times garantiu que ele é um dos cotados para a Secretaria de Saúde e Direitos Humanos.
Por Tiago Chagas, gospelmais 

0 comentários:

Postar um comentário